Juventude - Conselho Municipal de Juventude

Para o Mandato 2017-2021, o Conselho Municipal de Juventude tem a seguinte composição:

Composição do CMJ de acordo com a Lei 6/2012 de 10/02 Representante a indicar pela Entidade Elegível Nome  indicado pela Entidade Elegível Email
Presidente da Câmara Municipal Presidente da Câmara Municipal Por delegação, o Sr. Vice-Presidente:
Jorge Paulo Fernandes
paulo.fernandes@cm-ansiao.pt
Membro da Assembleia Municipal de cada Partido Bancada do PSD Sónia Margarida Simões Moreira soniabpmoreira@gmail.com
Bancada do PS Sara Cristina Carvalho Francisco saraccfrancisco@gmail.com
Um representante de cada Associação Juvenil com sede no Município inscrita no Registo Nacional de Associações Jovens (RNAJ) Centro de Juventude de Santiago da Guarda Francisco Pimenta pimentafrancisco96@gmail.com
JAVE - Associação de Jovens de Avelar José Diogo Rego javeaja@gmail.com
Um representante de cada Associação de Estudantes do Ensino Básico e Secundário com sede no Município Associação de Estudantes do AGA Alexandra Mendes Ramalho associacaoestudantes@agansiao.pt
Associação de Estudantes da ETP Sicó Inês Domingues Gonçalves 16cm7@etpsico.pt
Um representante de cada organização de juventude partidária com representação nos órgãos do município ou na Assembleia da República Juventude Social Democrata Daniel Marques danielsm97@gmail.com
Juventude Socialista Marcelo Afonso marcelo_afonso1990@hotmail.com

Data das Reuniões do Plenário: Consulte o link

Local das Reuniões: Sala de Reuniões do Edícifio dos Paços do Concelho

Email para contato: juventude@cm-ansiao.pt

Atas do Plenário Regimento Pareceres
Não existe informação disponível
Legislação
Legislação
  • Lei n.º 8/2009 de 18 de Fevereiro (pdf, 180,10 Kb)Cria o regime jurídico dos conselhos municipais de juventude
  • Lei n.º 6/2012, de 10 de fevereiro (pdf, 165,21 Kb)Primeira alteração à Lei n.º 8/2009, de 18 de Fevereiro, que cria o regime jurídico dos conselhos municipais de juventude, e segunda alteração ao Decreto-Lei n.º 7/2003, de 15 de Janeiro, que regulamenta os conselhos municipais de educação e aprova o processo de elaboração de carta educativa, transferindo competências para as autarquias locais