cultura e história - Património Civil

Ponte da Cal

Ponto Turístico 18

Construção do século XVII, parte do antigo eixo viário que ligava Coimbra a Lisboa. Os dois tanques de banhos são destinados, respectivamente, às mulheres e aos homens.

Situada à entrada da vila de Ansião, sobre as águas calmas do rio Nabão, fica a Ponte da Cal, lançada em dois arcos de volta perfeita, cuja construção remonta ao século XVII.

A Ponte da Cal ligava o antigo eixo viário oriundo de Coimbra que passava por Lagoas em direcção ao centro da vila de Ansião e daqui seguia para Sul, rumo a Lisboa.

Um estreito passeio, do lado Norte, delimita dois interessantes tanques de banhos, destinados, respectivamente, às mulheres e aos homens.

O primeiro tanque é constituído por uma pia mais funda onde, segundo a lenda, a Rainha Santa Isabel se refrescava, aquando da sua passagem por estas terras, tornando-as milagrosas ("banhos santos").

Neste local ainda se praticou o "banho santo" até há poucos anos atrás, geralmente dos dias 29 de Junho - dia de S. Pedro - ao dia 4 de Julho - dia da Rainha Santa Isabel.

Junto da margem direita do rio erigiu-se uma pequena capela em homenagem àquela rainha, onde todos os anos se realiza um arraial por altura do S. Pedro.

Mapa com a localização
É necessário ter javascript ligado para a ver este conteúdo.

Contactos

Ansião
3240 ANSIÃO

GPS 39°54'51.16"N | 8°26'12.31"W

Interesses

o primeiro tanque (pia mais funda onde) onde, segundo a lenda, a Rainha Santa Isabel se refrescava aquando da sua passagem por estas terras.
O meu itinerário

O meu itinerário

ver mapa